fbpx

Entenda tudo sobre os fios de sustentação

O sonho de praticamente todo mundo é se manter com a aparência jovem apesar dos anos e, ainda que envelhecer seja um processo natural pelo qual todos nós passamos, a forma como cuidamos de nossa saúde tem muita influência no processo de envelhecimento.

Infelizmente, nossa rotina é agitada, estressante, e por vezes, mal conseguimos ter uma boa alimentação e nos mantermos hidratados, assim como praticar atividades físicas e ter o sono que nossa pele precisa para se manter saudável.

Por isso, muitas pessoas acabam envelhecendo antes do tempo, criando rugas e marcas de expressões no rosto, o que vamos combinar que é bem desagradável, né? Mas, a boa notícia é que existem procedimentos minimamente invasivos que podem reverter essa situação e devolver a juventude para nossa pele.

Hoje, vamos falar sobre os fios de sustentação e como eles podem te ajudar a ter aparência jovem outra vez. Vamos lá?

O que são?

São fios usados para o tratamento da flacidez na pele, eles são compostos por materiais biocompatíveis com a pele e o organismo, são biodegradáveis e as chances de não se adaptarem à pele são quase nulas.

Esses fios já são utilizados há mais de 30 anos na Coreia para o rejuvenescimento da pele. Como sabemos, o envelhecimento acontece quando nosso corpo passa a produzir menos colágeno que o normal ou o necessário, e os fios atuam estimulando a produção de colágeno.

Os fios são colocados na pele através de agulhas de acupuntura, no momento em que são inseridos, já começam a estimular a pele a produzir colágeno, uma vez que os fios estão dentro da pele, o organismo começa a degradá-los por hidrose.

À medida em que os fios vão sendo absorvidos pela pele, seus componentes passam a ajudar as células a produzir mais colágeno que o normal, nos mesmos locais em que os fios foram colocados.

Desta forma, esse colágeno novo passa a sustentar a pele e melhorar a flacidez do local.

Para quem serve? 

Os fios de sustentação servem para homens e mulheres, e não existe uma idade mínima ou máxima para realizar o procedimento. Isso porque cada um de nós envelhece de uma forma e em tempos diferentes.

O mais importante para a realização do procedimento é a flacidez em si. É importante ressaltar que quanto mais cedo a flacidez for tratada, melhores serão os resultados.

Isso quer dizer que se a pessoa começa o procedimento logo no início da flacidez, o processo será preventivo e os resultados serão melhores. No entanto, mesmo que a flacidez já esteja mais avançada, o processo é capaz de reestruturar a pele e trazer resultados satisfatórios.

A diferença entre os fios PDO e fios de tração

Existem dois tipos de fios de sustentação, o fio de tração e o fio de dermosustentação.

O fio de tração é colocado sobre a pele, e ele vai tracionar a região flácida, ou seja, vai levantar e segurar a pele no local, tendo assim, um efeito imediato.

O fio PDO não é um fio de tração, ele é um fio de dermosustentação, e seu resultado não é imediato, por que ao contrário do fio de tração, este, estimula o amadurecimento da pele para a produção de colágeno nos locais flácidos.

Seu resultado costuma ser visível após 3 meses do procedimento.

Em quais partes do corpo é possível aplicar?

Os fios podem ser aplicados em qualquer área do corpo que tenha flacidez, no rosto os locais em que costumam ser aplicados com maior frequência são:

  • Pálpebra inferior : Essa é uma região que envelhece muito rápido por causa da sua sensibilidade.
  • A área da glabela: é a região entre as sobrancelhas. Geralmente ocorre a formação de rugas na glabela pela contração, a famosa “ruga da brava”.
  • A área do sulco naso geniano: A região perto do nariz.
  • A região abaixo da boca, onde se formam as conhecidas “rugas de marionete”.
  • Na região da papada, onde geralmente costuma ficar mais flácido.
  • Região do pescoço.

No restante do corpo, os fios de sustentação costumam ser colocadas principalmente em regiões como:

  • No braço, na região do famoso “tchauzinho”.
  • Nas coxas, em locais que estão flácidos.
  • No abdômen, principalmente em mulheres que acabaram de passar pela gestação ou após cirurgia bariátrica.
  • Nádegas, quando também existe flacidez.

Como os fios de sustentação são colocados e tempo de recuperação

O procedimento é realizado no consultório médico, é bem rápido e dura cerca de 30 minutos. O paciente recebe uma anestesia no local em que os fios serão colocados através de agulhas de acupuntura.

É um procedimento simples e seguro, o paciente pode ir para casa logo após realizá-lo, sem que fique visível que ele fez qualquer procedimento. Raramente, pode ocorrer de as agulhas pegarem algum vasinho e deixar algum hematoma, mas que pode ser camuflado com corretivo e desaparece rapidamente.

A pessoa que coloca fios de sustentação pode voltar normalmente para sua rotina diária. O indicado é que sejam feitas pelo menos 3 sessões com intervalos de 3 meses entre cada uma delas. Isso vai ajudar a intensificar o resultado final.

Precisa de manutenção?

O colágeno que foi aplicado na pele dura cerca de 1 ano, após isso, é preciso realizar a manutenção como qualquer outro procedimento estético.

Espero que as informações trazidas aqui tenham te ajudado a esclarecer suas dúvidas sobre esse procedimento! Você também pode ler mais em nosso blog clicando aqui.

Agende seu horário hoje mesmo para experimentar.